Poemas controversos

 - Parou de escrever sobre mim.
 - Nem percebi.
 - Não esperava que você percebesse, por isso que vim falar.
 - Mentira. Eu percebi.
 - Por que parou?
 - Variedade, sabe? Outros temas. Não é saudável pra mim me concentrar em um assunto. Em uma musa.
 - Tem outras musas?
 - Não, mas existem outros temas para serem escritos.
 - Ah...
 - Você não pode estar possivelmente com ciúmes dos meus temas, pode?
 - Poder eu posso. Mas estar eu não estou.
 - Está o quê então?
 - Normal.
 - Está sendo sarcástica?
 - Não.
 - Por que não está sendo sarcástica?
 - Porque tenho outras qualidades.
 - Disso eu sei. Mas... Você sem humor negro é que nem... Ok, não tem uma comparação boa o suficiente.
 - Perdi a vontade de ser sarcástica.
 - Por quê?
 - Acho que é porque você não entende ironia.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Leblon Holiday

Estrada Revolucionária

Vamos terminar a garrafa - NPC